ABERST faz rifa para angariar fundos para iniciar suas operações


O objetivo principal da associação é fortalecer a literatura desses gêneros no país e divulgar autores e obras

A recém-criada Associação Brasileira de Escritores de Romance Policial, Suspense e Terror, a ABERST, já possui uma pré-estrutura, como os documentos, o Estatuto Social, presidente eleita e etc., porém, precisa de dinheiro para registrar a marca e iniciar as operações. Pensando nisso, Claudia Lemes, presidente da associação e autora dos livros “Eu Vejo Kate” e “Um Martini com o Diabo”, ambas da editora Empíreo, criou uma rifa, com o intuito de conseguir o valor necessário para tirar as ideias do papel.

O valor da rifa é de cinco reais e o vencedor levará para casa uma cesta contendo mais de 25 obras entre suspense, policial e terror, claro. Clique aqui para adquirir seu número da rifa, que estará disponível até o dia 20 deste mês.

Previous Câmara Brasileira do Livro lança novo serviço para associados
Next Editora Rouxinol propõe debate sobre tradições e influências da Literatura Nacional

Suggested Posts

Organizada pela Associação Nacional de Livrarias, a convenção acontecerá nos dias 29 e 30 de agosto. Com o objetivo de promover trocas de experiências, a Associação Nacional de Livrarias (ANL) realizará nos dias 29 e 30 de agosto a 27ª Convenção Nacional de Livrarias. O tema deste ano será “O livreiro: de leitor a gestor” …

0 53

Iniciativa inédita utilizará os blogs e redes sociais para fortalecer o crescimento da literatura juvenil A Biblioteca de São Paulo, localizada na Zona Norte da capital, realizará neste mês de agosto um Clube de Leitura para o público jovem. O projeto conta com a ajuda de blogs literários e redes sociais para incentivar o hábito …

0 45

Conversamos com a autora Lisa Yee sobre sua carreira, a série DC Super Hero High e empoderamento feminino Por: Ana Paula Lima | Colaboração: Victoria Gomes Nascida no entorno de Los Angeles, Lisa Yee sempre gostou de ler. Além de autora, ela já trabalhou como redatora publicitária, jornalista, diretora criativa e redatora em TV, faltando …

0 86

O recém-nascido selo Monomito Editorial lançará nesta quarta, 04, em São Paulo, seu primeiro título: “O ano em que conheci meus pais”, do paraense Toni Moraes. O evento será no Que Tal, na Vila Mariana, com direitinho aquela cerveja marota e um bate-papo bacana com o próprio autor. O Que Tal, além de bar, é …

0 73

Prática é comum na Europa e está ganhando espaço no Brasil Por Ana Paula Lima O relator na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, Lindbergh Faria, deu parecer favorável para o Projeto de Lei 49/2015. Essa PL determina que todas as livrarias, sejam elas físicas ou virtuais, poderão oferecer no máximo 10% de desconto …

0 48

  Por Kamila Ferreira No primeiro NM Indica, o tema é representatividade. Muito se fala, muito se faz, mas ainda não é suficiente. Não é diferente na literatura, em que negros/as, gordos/as e a comunidade LGBTT ainda não estão em papel de destaque, como protagonistas. quebrando paradigmas e estereótipos. Por isso, a Nova Millennium separou …

0 41

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *