Bienal do Livro 2017: Número de estandes diminui e organização aposta em eventos culturais


Seguindo os passos da Bienal do Livro de São Paulo, o evento que acontecerá no Riocentro terá 360 horas de programação cultural.

Com início marcado para 31 deste mês, a Bienal Internacional do Livro Rio de Janeiro acontecerá no Riocentro e contará com cerca de 197 estandes no local. Número bem parecido com a edição anterior – 195 – porém, com uma diminuição de 8% do espaço ocupado da edição anterior.

Considerada como um evento de marketing, as editoras dificilmente lucram neste período. Uma forma de atrair mais público e mantê-lo entretido, a Bienal do Rio está apostando em outros meios. Esse ano, serão 360 horas de programação cultural – um número bem maior que na edição de 2015 – que contará com espaços especiais e palestras que abordam todo o meio cultural.

Escritores, apresentadores, youtubers e atores farão parte de palestras que tratarão sobre feminismo, cidadania, religião, podcasts e muitos outros.Contando com a infraestrutura de transportes criada para a Olimpíada, a expectativa é que o público compareça, já que nas outras edições era possível ficar até três horas no trânsito para chegar no Riocentro. A Bienal Internacional do Rio custará em torno de R$42,3 milhões e é considerada maior que a edição Paulistana.

Programação dos expositores | Programação Oficial

InterLivro: Encontro Internacional de Profissionais do Livro

Aproveitando que a edição da Bienal Internacional do Livro Rio está chegando, a PublishNews, a Fagga e o Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) se uniram para realizar a segunda edição do InterLivro. O evento acontecerá no dia 1º de setembro e contará com diversas palestras sobre o mercado editorial.

Após o encerramento, serão entregues troféus aos ganhadores do Prêmio Jovens Talentos da Indústria do Livro 2017. A premiação levará um profissional para a Feira do Livro de Frankfurt, na Alemanha, com tudo pago.

A pré-inscrição é gratuita e pode ser feita nesse site e você pode conferir a programação clicando aqui.O evento conta com o apoio da Sextante, Bibliomundi, Casa da Educação, F1 Soluções, Ubook, Metabooks, Meta Solutions, BR75 e #CoisaDeLivreiro.
Faça a pré-inscrição e confira a programação.

Previous Após hiato, John Green volta a lançar livro
Next Stieg Larsson e sua contribuição à literatura policial

Suggested Posts

Victor Bonini, da TV Globo, lança segundo livro da série do detetive Conrado Bartelli O jornalista Victor Bonini, repórter do SPTV, lançará nesta quinta, 05, seu segundo livro “O Casamento”, em São Paulo. O evento será na Livraria Cultura do Conjunto Nacional. “O Casamento” será lançado pela Faro Editorial, mesma casa que lançou o volume …

0 55

Nova diretoria da CBL quer que a leitura se torne parte do cotidiano do cidadão brasileiro Por: Ana Paula Miranda A Câmara Brasileira do Livro é responsável pela organização de eventos importantes para a literatura e tem como plataforma colocar o livro como ponto central em todo país. A quarta edição da Pesquisa Retratos da …

0 51

Com curadoria de Joselia Aguiar, o evento abordará questões sobre identidade de gênero Por: Ana Paula Lima   A 15ª edição da Flip que começa nesta quarta-feira, 26, e termina no domingo, 30 de julho, homenageará o escritor carioca Afonso Henriques de Lima Barreto. Inconformado com as desigualdades sociais e raciais de nosso país durante …

0 45

A antiga Suma de Letras agora é apenas Suma A Suma de Letras foi criada em 2005 e tornou-se parte do Grupo Companhia das Letras em 2015. O selo foca suas obras em gêneros como fantasia, ficção científica e terror. Sempre voltada ao público geek, a mudança do logo e do nome foi uma forma …

0 54

Os fãs da autora já podem comemorar, pois além do filme baseado no livro “Assassinato no Expresso do Oriente”, sete novas séries já estão encomendadas pela BBC com distribuição da Amazon Prime Video. Por: Ana Paula Lima   Até hoje, Agatha Christie é considerada uma das escritoras mais rentáveis de todos os tempos, segundo o …

0 59

Usando os dados do ano de 2016, o estudo é uma forma de analisar e indicar os caminhos a serem seguidos nos próximos anos. Desde 2014, os dados referentes ao mercado digital no Brasil estiveram ligados à “Pesquisa Produção e Vendas do Setor Editorial Brasileiro”, porém, neste ano, o mapeamento foi feito a partir da …

0 53

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *